Reconhecimento

Câmara Municipal sedia cerimônia para outorga da Medalha Cinquentenário das Forças de Paz do Brasil a cidadãos de Socorro.
Postado em 13/07/2022

O Plenário da Sala das Sessões Marcelino Pinto Teixeira, da Câmara Municipal da Estância de Socorro, na última quinta-feira (7), foi palco de uma ilustre cerimônia para outorga da Medalha Cinquentenário das Forças de Paz do Brasil. Instituída pela Associação Brasileira Internacional das Forças de Paz (ABFIP), a condecoração tem como objetivo premiar e reverenciar o culto aos atributos de cidadãos que tenham praticado ações meritórias e enaltecedoras do nome da Pátria Brasileira e em sinal de reconhecimento aos valores militares, espírito de civismo, preservação da memória e serviços prestados à nação.

"É com imensa alegria e satisfação que recebemos hoje na Câmara Municipal da Estância de Socorro essa importantíssima solenidade, promovida pela Associação Brasileiras das Forças Internacionais de Paz, para homenagear pessoas distintas, notáveis e valorosas para a cidade de Socorro, que contribuíram e que ainda contribuem muito para o desenvolvimento da sociedade socorrense e para a manutenção da Paz", ressaltou o presidente do Poder Legislativo Municipal, vereador William Morais.

Junto ao chefe do Legislativo, compuseram a Mesa Principal da solenidade o prefeito de Socorro, Ricardo Lopes, o deputado estadual Paulo Adriano Lopes Lucinda Telhada (Coronel Telhada), o presidente da ABFIP, Walter Mello de Vargas, o vice-prefeito Henrique Cézar Coutinho da Rocha, o ex-prefeito de Socorro e secretário de Habitação de Bragança Paulista, André Eduardo Bozola de Souza Pinto, o presidente da OAB de Socorro, José Franco Craveiro Neto, e o capitão da Polícia Militar Rafael Telhada.

O presidente da ABFIP, Walter Mello de Vargas, agradeceu ao presidente da Casa pela recepção que foi feita pelo Legislativo a ele e aos seus diretores e parabenizou todos os homenageados. “É uma honra estar aqui para fazer a outorga dessas medalhas”, disse o veterano das Forças de Paz, que esteve em missão de paz no Oriente Médio, durante a Guerra dos Seis Dias, em 1967. Junto a Walter Mello, estiveram presentes na solenidade o diretor do Alto Tietê da ABFIP, Hernandes Moreira, e o diretor do Departamento de Saúde da ABFIP, Fernando Baratella. 

 

Condecorados

A Medalha do Cinquentenário das Forças Internacionais de Paz do Brasil foi concedida a autoridades políticas, civis, policiais e religiosas de Socorro. Entre os condecorados estão o presidente da Casa, Willian Morais, o prefeito Ricardo Lopes, o ex-prefeito André Bozola, o médico Wanderley Tasca, o padre Nei de Oliveira Preto, o ancião Guilherme Bueno Córdoba, o delegado titular de Socorro, Henrique de Paula Rodrigues, o agente da Polícia Civil Allan Silveira Craveiro, a advogada Débora Gláucia Negrão, o subtenente da Polícia Militar Ivonildo Pereira Soares, o policial militar Ezequiel de Moares, o guarda civil municipal José Orlando Muciacito, o empresário e comunicador Joaquim Gilberto Vieira, o empresário José Fernandes Franco, e o diretor do Grupo de Comunicação da Rádio Socorro, Maurício de Oliveira Santos Filho.

“Cada um dos homenageados prestou serviços relevantes ao município e para a população. São pessoas de caráter e de alma que enaltecem Socorro com o seu trabalho. Levam o nome da nossa cidade nacional e internacionalmente, auxiliam o seu próximo e aqueles que mais precisam, partilham e dividem as suas vitórias e conhecimentos e, assim, transformam a vida de inúmeros socorrenses", enfatizou o presidente da Câmara Municipal, William Morais.

Ao encerrar a cerimônia, o chefe do Legislativo Municipal agradeceu a presença das diversas autoridades e dirigindo-se aos vereadores da Casa destacou o apoio dos mesmos na aprovação Lei 4.443 de 2022, de sua autoria, que possibilitou a realização da solenidade. "Divido essas emoções com os senhores, meus companheiros de jornada", disse William Morais. Prestigiaram a solenidade os vereadores Airton Benedito Domingues de Souza, Alexandre Aparecido de Godoi, Lauro Aparecido de Toledo, Marco Antonio Zanesco, Osvaldo Brolezzi, Tiago Faria e Thiago Balderi.

 

Forças de Paz

As Forças de Paz do Brasil foram criadas em 1956, para integrarem a Força Internacional de Emergência da Organização das Nações Unidas (ONU) no Egito, tendo desde então atuado em diversas missões de paz no mundo ao longo dos anos. A ABFIP tem como objetivo preservar a memórias dessas forças e projetar seus valores para o futuro.

 

 

 

 

Assessoria de Imprensa
Câmara Municipal da Estância de Socorro
assessoriaimprensa@camarasocorro.sp.gov.br